Galati Odontologia

A polpa é um feixe vásculo-nervoso que fica na porção mais profunda do dente, abaixo do esmalte e da dentina. Ela é responsável pela sensibilidade dentária.

Quando temos uma cárie muito profunda, ela pode chegar até a polpa, causando sua inflamação e posteriormente, até mesmo uma infecção mais grave, que pode atingir a região do ápice da raiz.

Os sinais que evidenciam um possível acometimento do tecido pulpar são: dor com estímulo frio e/ou quente, sensibilidade à mastigação e edema.   A polpa também pode ser afetada em casos de trauma ou em casos de problemas periodontais associados.

O tratamento de canal deve ser feito para eliminar o tecido inflamado e contaminado e preencher o espaço, antes ocupado pela polpa, com um material que vedará a raiz do dente, impedindo sua recontaminação.

Alguns anos atrás, os dentes com polpas infeccionadas ou mortificadas eram extraídos. Hoje em dia, um tratamento de canal salva muitos dentes que de outra forma teriam sido perdidos.